A arte e as pessoas especiais

Tudo aquilo que foge do considerado “normal” enfrenta algum tipo de preconceito. Acaba por ser marginalizado, isolado, ignorado e esquecido, como se simplesmente não existisse.

Nesse aspecto, qualquer tipo  de deficiência, como visual ou motora, sofre algum tipo de  intolerância pela dificuldade  de lidar com aquilo que não é comum.

A arte do ver já é uma questão complexa para as  pessoas consideradas normais. A maneira de observar o mundo  de cada um já comporta todo um entendimento da realidade  circundante e o desenvolvimento de um  conhecimento específico, que se fundamenta  na questão do selecionar.

Toda manifestação artística é uma prática da construção de  um olhar e, no caso dos alunos especiais, isso  ocorre de maneira ainda mais  completa e complexa, pois  o trabalho sobre uma  deficiência demanda um  exercício constante de  reconstrução de si mesmo e do próprio ato do desenho.

É interessante observar que, no século XIX, com a ascensão  do espírito romântico, valorizador da liberdade e da emoção, que a sociedade  passou a ter uma maior compreensão com a arte “ diferente”, no sentido de expressão de  mundos individuais.

Assim, pessoas não  convencionais começaram,  quando se expressavam artisticamente, a ser melhor aceitas. Isso as  liberta um pouco do estigma  da diferença, mas mantém os artistas especiais num  mundo ainda de certa forma  obscuro dentro da arte  tradicional.

Os criadores especiais são  infelizmente muitas vezes  vistos apenas como resultado de uma jornada de esforço e com  curiosidade, não pelas suas  qualidades plásticas  intrínsecas.

Encarada de frente, essa questão é essencial para  que, pela arte, a exclusão se torne inclusão; e o diferente, especial.


Oscar D’Ambrosio é jornalista pela USP, mestre em Artes Visuais pela Unesp, graduado em Letras (Português e Inglês) e doutor em Educação, Arte e História da Cultura pela Universidade Presbiteriana Mackenzie e Gerente de Comunicação e Marketing da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo.

publicidade
publicidade
Crochelandia
Visitantes desde fevereiro de 2006:
33482298

Blogs dos Colunistas

-
Ana
Kaye
Rio de Janeiro
-
Andrei
Bastos
Rio de Janeiro - RJ
-
Carolina
Faria
São Paulo - SP
-
Celso
Lungaretti
São Paulo - SP
-
Cristiane
Visentin

Nova Iorque - USA
-
Daniele
Rodrigues

Macaé - RJ
-
Denise
Dalmacchio
Vila Velha - ES
-
Doroty
Dimolitsas
Sena Madureira - AC
-
Eduardo
Ritter

Porto Alegre - RS
.
Elisio
Peixoto

São Caetano do Sul - SP
.
Francisco
Castro

Barueri - SP
.
Jaqueline
Serávia

Rio das Ostras - RJ
.
Jorge
Hori
São Paulo - SP
.
Jorge
Hessen
Brasília - DF
.
José
Milbs
Macaé - RJ
.
Lourdes
Limeira

João Pessoa - PB
.
Luiz Zatar
Tabajara

Niterói - RJ
.
Marcelo
Sguassabia

Campinas - SP
.
Marta
Peres

Minas Gerais
.
Miriam
Zelikowski

São Paulo - SP
.
Monica
Braga

Macaé - RJ
roney
Roney
Moraes

Cachoeiro - ES
roney
Sandra
Almeida

Cacoal - RO
roney
Soninha
Porto

Cruz Alta - RS