A Feira do Livro de Lisboa

A Feira do Livro de Lisboa é uma instituiçao, é uma tradição da cidade. É enorme, tem espaço privilegiado, ocupando grande parte do Parque Eduardo Sétimo. E me lembra, guardadas as proporções, a Feira do Livro de Porto Alegre, pois também é motivo de orgulho para os moradores de Lisboa, assim como a outra é para os moradores da capital gaúcha.

https://jornalorebate.com.br/19-07/feira-lisboa.jpg

Foram 19 dias de feira, com mais de 2.100 (dois mil e cem) eventos. Comportou 328 stands,  636 marcas editoriais e mais de cem mil títulos. Além de Livros, de cultura, de informação e conhecimento, a feira também contou com 42 empresas em suas praças de alimentação, ofereceu wifi gratuito e pontos de carregamento de celulares, entre outras tantas coisas.

Em 2018, a Feira do Livro de Lisboa registrou 492 mil vistantes. Este ano eram esperados mais de quinhentos mil visitantes, o que pode ter sido superado. Não há ainda os números finais da feira, mas ela cresceu e o número de livros vendidos também deve ter superado a previsão de quinhentos mil exemplares.

A feira, como vimos, oferecia livros de todos os tipos, com lançamentos vários, seções de autógrafos e palestras com escritores , mas ofereceu também eventos de música, brincadeiras, animação para todas as idades e todos os gostos. O MAAT, a Fundação Serralves, o Museu Berardo, entre outras grandes instituições culturais tinham stands lá. Foi bom ver famílias inteiras passeando pela feira e comprando livros. Aqui, com certeza, se lê mais do que no Brasil, felizmente.

Estive lá várias vezes, inclusive na primeira semana, quando fez muito calor em Lisboa, mas mesmo assim o público já começava a chegar. Autografei meus livros, comprei livros, conheci escritores e livreiros, apresentei as nossas revistas SUPLEMENTO LITERÁRIO A ILHA e ESCRITORES DO BRASIL, divulgando a literatura dos brasileiros aqui entre os portugueses. Vi muitos livros de brasileiros – consagrados, claro – sendo oferecidos cá em Lisboa.

Uma honra e um privilégio poder participar de evento tão grandioso.


Luiz Carlos Amorim é fundador e presidente do Grupo Literário A ILHA em SC, com 39 anos de atividades e editor das Edições A ILHA. Ocupante da cadeira 19 da Academia Sul Brasileira de Letras.
Editor de conteúdo do portal PROSA, POESIA & CIA. e autor de 32 livros de crônicas, contos e poemas, três deles publicados no exterior. Colaborador de revistas e jornais no Brasil e exterior – tem trabalhos publicados na Índia, Rússia, Grécia, Estados Unidos, Portugal, Espanha, Cuba, Argentina, Uruguai, Inglaterra, Espanha, Itália, Cabo Verde e outros, e obras traduzidas para o inglês, espanhol, bengalês, grego, russo, italiano, francês -, além de colaborar com vários portais de informação e cultura na Internet, como Rio Total, Telescópio, Cronópios, Alla de Cuervo, Usina de Letras, etc.
O autor assina, também, o Blog CRONICA DO DIA, em http://lcamorim.blogspot.com

publicidade
publicidade
Crochelandia
Visitantes desde fevereiro de 2006:
33754549

Blogs dos Colunistas

-
Ana
Kaye
Rio de Janeiro
-
Andrei
Bastos
Rio de Janeiro - RJ
-
Carolina
Faria
São Paulo - SP
-
Celso
Lungaretti
São Paulo - SP
-
Cristiane
Visentin

Nova Iorque - USA
-
Daniele
Rodrigues

Macaé - RJ
-
Denise
Dalmacchio
Vila Velha - ES
-
Doroty
Dimolitsas
Sena Madureira - AC
-
Eduardo
Ritter

Porto Alegre - RS
.
Elisio
Peixoto

São Caetano do Sul - SP
.
Francisco
Castro

Barueri - SP
.
Jaqueline
Serávia

Rio das Ostras - RJ
.
Jorge
Hori
São Paulo - SP
.
Jorge
Hessen
Brasília - DF
.
José
Milbs
Macaé - RJ
.
Lourdes
Limeira

João Pessoa - PB
.
Luiz Zatar
Tabajara

Niterói - RJ
.
Marcelo
Sguassabia

Campinas - SP
.
Marta
Peres

Minas Gerais
.
Miriam
Zelikowski

São Paulo - SP
.
Monica
Braga

Macaé - RJ
roney
Roney
Moraes

Cachoeiro - ES
roney
Sandra
Almeida

Cacoal - RO
roney
Soninha
Porto

Cruz Alta - RS