O julgamento dos assassinos da juíza Patrícia Acioli expõe boa parte da ação criminosa das polícias militares, que é prática em todos os estados da Federação. Polícia é uma instituição civil e como tal deveria ser no Brasil. Polícias militares se prestam a ações como essa, o assassinato da juíza, altos índices de corrupção (a PM do Rio expulsa mais de um por dia) e não têm ação preventiva, ou

O Conselho Executivo do PCC - PRIMEIRO COMANDO DA CAPITAL -, empresa paulista com ramificações em vários estados brasileiros, decidiu proibir o uso do crack nos presídios onde detém o controle acionário. Os executivos entenderam que a baixa qualidade da droga e os efeitos produzidos pelo seu uso colocam em risco os negócios de maior importância do grupo, despertando a atenção das chamadas

Quem imagina que Antônio Anastásia governa alguma coisa em Minas está imaginando o que não existe. O atual "governador" é uma espécie de contador do ex-governador Aécio Neves e todo o esquema Aécio traz consigo. Al Capone se estrepou quando seu contador abriu a boca. É pouco provável que Anastásia faça isso, os benefícios que cercam a entourage são grandes e ainda agora a CEMIG - CENTRAIS

Hugo Chávez, que a GLOBO aqui chama de ditador, venceu as eleições regionais da Venezuela em 20 dos 23 estados do país. Chávez se recupera de uma cirurgia para remover um tumor maligno na pélvis. Está em Cuba e seu estado é considerado delicado.A vitória de Chávez é a reafirmação pelos venezuelanos do desejo de continuidade do processo revolucionário implantado pelo presidente desde sua primeira

A sina de Luís Inácio Lula da Silva começou em plena campanha eleitoral, em 2002, quando quis se mostrar "maduro" aos brasileiros. FHC lançou a isca, o Brasil estava prestes a quebrar e Lula foi sorridente ao Palácio do Planalto assinar uma carta de intenções com o Fundo Monetário Internacional, que amarrava o Brasil e seu futuro governo, mesmo que, à frente, tenha se libertado do compromisso.

A sensação que a presidente Dilma Roussef passa é a de quem vive colada ao celular perguntando a Lula o que fazer e quando não consegue localizar o ex-presidente não faz nada, ou faz tudo ao contrário do que deve ser feito.Pior, que vive num Brasil diferente daquele percebido pela maioria dos brasileiros. Enxerga os painéis, não vê o que está por trás deles.Crucificá-la sem retornar a uma análise

Militares golpistas de 1964 costumam escorar a covardia da tortura, dos assassinatos e dos estupros, da barbárie enfim que marcou o regime que derrubou o presidente constitucional do País num esquema montado e comandado do exterior, na justificativa que "vivíamos uma guerra". Existem acordos internacionais que proíbem tortura, assassinatos a sangue frio, estupros, todos esses ingredientes que

O ataque cruel e bárbaro do governo terrorista de Israel contra palestinos da faixa de Gaza configura-se como crime contra a humanidade. Gaza vem sendo mantida sob bloqueio total (terra, ar e mar) por forças militares de Israel e ao contrário do que afirmam as autoridades nazi/sionistas, sequer os comboios de alimentos e medicamentos das Nações Unidas conseguem chegar com facilidade à região.Como

Dias antes do julgamento do mensalão o ministro Marco Aurélio Mello questionou de público as condições de seu colega Joaquim Barbosa para exercer a presidência do Supremo Tribunal Federal. Joaquim Barbosa vive dias de estrela. É manchete em jornais, objeto de loas em revistas da mídia de mercado, aparece e fala quase todos os dias nas principais redes de tevê do País e não se faz de rogado quando

O ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva está no centro de uma campanha desfechada pela mídia de mercado, partidos de oposição e elites econômicas brasileiras e internacionais, numa tentativa de implicá-lo no chamado "mensalão" e dessa maneira inviabilizar qualquer perspectiva de volta ao poder nas eleições de 2014. O próprio Lula foi para o centro de tiro e se marcou como alvo. Acreditou ser

Os dirigentes municipais do PSOL decidiram não questionar juridicamente o boicote da Folha de S. Paulo à coligação PSOL/PCB, ao organizar    o debate de candidatos a vereador que realizou na tarde de 3ª feira (2) e publicará no próximo domingo (7). O jornal convidou apenas os representantes das "cinco principais coligações nas eleições municipais deste ano e o partido do prefeito,

Primeiro vieram os alertas de que as alterações climáticas convulsionariam o planeta, ameaçando a própria sobrevivência da espécie humana. Depois, os que lucram com as práticas causadoras do aquecimento global e da dilapidação de recursos essenciais para continuarmos a existir, contra-atacaram com uma verdadeira blietzkrieg de propaganda enganosa.  No capitalismo todos se vendem, até cientistas.

Ridículo atroz: os patrulheiros cricris que tentaram e não conseguiram fazer com que o Ministério da Educação vetasse a adoção nas escolas do livro Caçadas de Pedrinho, de Monteiro Lobato, agora atraíram o movimento negro para sua cruzada obscurantista e retrógrada. Estão submetendo esta questiúncula ao Supremo Tribunal Federal. Levamos tanto tempo para nos livrar da censura ditatorial e agora

Fui preso político durante a ditadura militar. Vez por outra, principalmente quando estava sendo transportado a outro estado, colocaram-me em cadeias para presos comuns, ao lado desses infelizes. Mais tarde, visitei um amigo que cumpria pena (por posse de remédios igualados a entorpecentes!) naquela Casa de Detenção que viria a ser palco de uma carnificina atroz em 1992.  E, quando ele foi

...DE FAZER UMA PÉSSIMA COMPARAÇÃO HISTÓRICA. Sempre me repugnou julgar outras pessoas. Os sites fascistas mantêm no ar até hoje uma lorota que companheiros presos devem ter impingido à repressão ao serem torturados: a de que teria sido eu um dos três juízes do tribunal revolucionário a que foi submetido um quadro da VPR. Na verdade, durante a minha militância nem sequer tive ciência da

"Hegel observa em uma de suas obras que todos os fatos e personagens de grande importância na história do mundo ocorrem, por assim dizer, duas vezes. E esqueceu-se de acrescentar: a primeira vez como tragédia, a segunda como farsa." (Karl Marx, O 18 de brumário de Louis Bonaparte) Talvez estejamos prestes a presenciar uma farsa de consequências quase tão funestas quanto a tragédia da eleição de

A 1ª Câmara de Direito Privado do Tribunal de Justiça de São Paulo negou nesta 3ª feira (14), por unanimidade, o recurso do torturador Carlos Alberto Brilhante Ustra, que esperneava contra a sentença na qual foi reconhecida sua responsabilidade pela prática de torturas durante a ditadura militar. Tendo a defesa de Ustra recorrido, o relator da apelação, desembargador Rui Cascaldi, foi incisivo: "

O fim do poder, do escritor e analista de assuntos econômicos e políticos Moisés Naím, é um artigo inspirado: aborda tendências que muitos já havíamos percebido, sem relacioná-las umas às outras. Paradoxalmente, às vezes é difícil enxergarmos o óbvio. Vale a pena reproduzir, na íntegra, o texto do venezuelano Naím, que serve como ponto de partida para depois eu ampliar um pouco o foco: "O que têm

Você tem alguma discordância com relação ao texto jornalístico abaixo, ou ele descreve corretamente o ambiente criado na véspera do julgamento? Leia com atenção: "O julgamento de Cesare Battisti pelo Supremo Tribunal Federal é desnecessário. Entre a insinuação mal disfarçada e a condenação explícita, a massa de reportagens e comentários lançados agora, sobre o italiano, contém uma evidência

Lendo o artigo do filósofo Vladimir Safatle, Pela extinção da PM, dei-me conta de que, quando a Polícia Militar paulista executou cidadãos honestos na semana passada, a ficha não me caiu e deixei de relacionar as matanças à recente recomendação da ONU, no sentido de que o Brasil elimine mais este entulho autoritário.  Lapso imperdoável, pois eu havia sido o primeiro a concordar entusiasticamente
publicidade
publicidade
Crochelandia
publicidade
publicidade
Visitantes desde fevereiro de 2006:
30033002

Blogs dos Colunistas

-
Ana
Kaye
Rio de Janeiro
-
Andrei
Bastos
Rio de Janeiro - RJ
-
Carolina
Faria
São Paulo - SP
-
Celso
Lungaretti
São Paulo - SP
-
Cristiane
Visentin

Nova Iorque - USA
-
Daniele
Rodrigues

Macaé - RJ
-
Denise
Dalmacchio
Vila Velha - ES
-
Doroty
Dimolitsas
Sena Madureira - AC
-
Eduardo
Ritter

Porto Alegre - RS
.
Elisio
Peixoto

São Caetano do Sul - SP
.
Francisco
Castro

Barueri - SP
.
Jaqueline
Serávia

Rio das Ostras - RJ
.
Jorge
Hori
São Paulo - SP
.
Jorge
Hessen
Brasília - DF
.
José
Milbs
Macaé - RJ
.
Lourdes
Limeira

João Pessoa - PB
.
Luiz Zatar
Tabajara

Niterói - RJ
.
Marcelo
Sguassabia

Campinas - SP
.
Marta
Peres

Minas Gerais
.
Miriam
Zelikowski

São Paulo - SP
.
Monica
Braga

Macaé - RJ
roney
Roney
Moraes

Cachoeiro - ES
roney
Sandra
Almeida

Cacoal - RO
roney
Soninha
Porto

Cruz Alta - RS